> 02 de dezembro de 2021
Sem novidades e mantendo cenário esperado, arábica tem altas nesta 5ª feira
Em Londres, com a colheita do Vietnã acontecendo conilon opera com estabilidade

O mercado futuro do café arábica segue operando com valorização para os principais contratos no pregão desta quinta-feira (2) Bolsa de Nova York (ICE Future US). Sem novidades, o mercado de café segue operando com preços firmes para o café, conforme previsto por analistas do setor. Com a safra de quebra no Brasil, que só terá números no primeiro semestre do ano que vem, o mercado segue observando o desenvolvimento do parque cafeeiro. 

Por volta das 12h01 (horário de Brasília), março/22 tinha alta de 165 pontos, valendo 234,90 cents/lbp, maio/22 tinha alta de 145 pontos, valendo 234 cents/lbp, julho/22 tinha alta de 125 pontos, valendo 233,05 cents/lbp e setembro/22 tinha alta de 115 pontos, valendo 232,10 cents/lbp. 

Na Bolsa de Londres o café tipo conilon opera com estabilidade. Março/22 tinha queda de US$ 4 por tonelada, valendo US$ 2249, maio/22 tinha alta de US$ 1 por tonelada, valendo US$ 2232, julho/22 tinha alta de US$ 3 por tonelada, valendo US$ 2233 e setembro/22 tinha alta de US$ 4 por tonelada, valendo US$ 2231. 

Também por volta deste horário, o dólar registrava queda de 0,71% e era negociado por R$ 5,63 na venda, dando mais um suporte de alta para o café. "O dólar caía frente ao real nesta quinta-feira, abandonando a estabilidade vista nos primeiros negócios da sessão, acompanhando a fraqueza internacional da moeda norte-americana conforme investidores de todo o mundo aguardavam mais informações sobre a variante Ômicron do coronavírus", destacou a agência de Notícias Reuters. 

Por: Virgínia Alves

Fonte: Notícias Agrícolas

Nossos parceiros